«

»

Textos para o ENEM – Parte 1

 

Mercúrio é único metal líquido à temperatura ambiente, conhecido desde os tempos da Grécia Antiga. Seu nome é uma referência ao deus romano Mercúrio, que era o mensageiro dos deuses. Esta homenagem é devido à fluidez do metal. O símbolo Hg vem do latim “hydrargyrum” que significa prata líquida.
Este fluido é muito denso quando comparado com o corpo humano – quase 14 vezes mais – portanto flutuar nele é muito fácil. Para se ter uma idéia, se o mercúrio é aproximadamente 14 vezes mais denso que o corpo humano, então o homem da figura flutua com apenas 1/14 do seu corpo imerso no fluido…isso mesmo…apenas 7,1% do corpo estaria imerso no mercúrio!!!
Legal?! Nem tanto. Hidrostática à parte, este metal líquido é tóxico.
Uma vez absorvido, o mercúrio é passado ao sangue, ligando-se às proteínas do plasma e nos eritrócitos distribuindo-se pelos tecidos, concentrando-se nos rins, fígado, medula óssea, parede intestinal, parte superior do aparelho respiratório, mucosa bucal, glândulas salivares, cérebro, ossos e pulmões.
As intoxicações por mercúrio variam seus sinais e sintomas, podendo, nos casos extremos, causar a morte em 1 ou 2 dias.
Se o garoto propaganda do mercúrio está vivo? Não tenho esta informação… a imagem foi retirada de uma edição de 1972 da National Geographic.